Menu Principal

BLOG

Inspetoria BAP investe na formação de Diretores e Diretoras das Escolas

A Inspetoria Nossa Senhora Aparecida (BAP), de São Paulo, vem fazendo um significativo caminho de crescimento em sinodalidade e sinergia, para aprimorar a unidade entre pessoas e comunidades que a compõem.

Prova disto foi o II Encontro de Diretoras e Diretores das Escolas da BAP, realizado em Porto Alegre nos dias 5, 6 e 7 de setembro que contou também com a participação do Núcleo Animador da Inspetoria.

O primeiro dia teve a coordenação sob responsabilidade de Antenor De Conto e Patrícia Michelin, de Porto Alegre. Os participantes foram surpreendidos com um passeio de integração, em Gramado e Canela, onde puderam visitar lugares de cunho turístico e também espiritual, desfrutando dos sabores de um bom Café Colonial assim como conectando-se com as belezas naturais, especialmente no famoso Lago Negro.

No dia 6 de setembro, o grupo viveu um dia intenso de formação e partilha, na Casa Santa Teresa, antiga sede inspetorial, em Porto Alegre.

A Inspetora, Irmã Alaíde Deretti, inaugurou os trabalhos oferecendo uma reflexão na qual focalizou três palavras: alegria, empenho e responsabilidade.

Irmã Alaíde convidou o grupo a acolher o momento presente com a consciência de que o mesmo é «uma alegria […] encontrar-nos e podermos tecer redes, partilhar a vida e os caminhos trilhados; um empenho, no sentido de somar, unir forças e aventurar novos horizontes na e da missão; uma grande responsabilidade: seguirmos em frente juntos, em comunhão, em sinodalidade».

Não podia faltar também nas palavras de introdução, o «servir a vida e despertar a esperança, […] o saber “inclinar-se” para contribuir, oferecer o melhor de si, ajudar […]» e o «transformar nossos ambientes em espaços de escuta a fim de que juntos possamos sempre discernir o que é melhor para o crescimento e a vida de toda a comunidade educativa».

Com a coordenação de Irmã Ivone Yared, no segundo dia foram apresentadas algumas “Boas Práticas” pelos diferentes grupos que compõem as áreas hospitalar e escolar da BAP, com a finalidade de que todos possam conhecer todos!

O primeiro momento dedicou espaço e grande atenção ao Hospital Nossa Senhora Auxiliadora – HNSA, de Três Lagoas – MS. O Diretor Executivo do HNSA, Marco Antônio Calderon de Moura, apresentou a “saúde administrativa e gerencial” da entidade através de números, de resultados/investimentos, de atividades que têm envolvido a comunidade local na prestação e melhoria dos serviços, além – é claro! – da perspectiva de uma futura parceria, que vai ampliar a atuação do HNSA, devido à construção de uma Usina Hidrelétrica no município de Inocência – MS.

As Escolas do estado de São Paulo, representadas por Fabiana de Almeida, diretora do Instituto Madre Mazzarello, apresentaram a Campanha de Matrículas 2023 – Um legado de realização.

As Escolas das regiões Sul e Centro-Oeste, através das Direções locais, apresentaram uma visão geral de cada escola e o modo como se dá o acompanhamento gerencial das Unidades, através do SIG – Sistema Integrado de Gestão.

Na parte da tarde, a Enfermeira Dra. Clarice Souza Pinto, profissional da área da saúde com larga experiência, conduziu os participantes a refletirem e discutirem sobre o tema: “Sexualidade e Gênero – uma pauta atual para Diretores”.

O tema, muito pertinente e provocador, foi importante para situar os educadores frente aos desafios da realidade que não são para amanhã, mas já fazem parte do cotidiano das escolas. É urgente refletir sobre as questões de gênero, mas sempre amparando as práticas educativas com os valores da educação salesiana, dispostos a acolher as diferenças, mas sem abrir mão do que caracteriza as escolas, especialmente os pilares do Sistema Preventivo de Dom Bosco.

O dia foi concluído com a Celebração Eucarística, presidida pelo salesiano Padre Isidoro da Silva, secretário da Inspetoria S. Pio X, de Porto Alegre. Como espaço de convivência e de maior integração, o grupo participou da “Noite da Massa”, que contou também com a presença do jovem barman Wellerson Severo Mattos.

O terceiro e último dia foi coordenado por Rose Meire Gomes Silva e foi marcado 100% pela espiritualidade salesiana. O grupo se deslocou até o Sítio Mornese, situado em Morungava, município de Gravataí – RS, onde vivenciou o encontro com a primeira comunidade de Mornese.

Conduzido por algumas das Irmãs presentes, os participantes tiveram a oportunidade de aprofundar seus conhecimentos a respeito de figuras das origens carismáticas, como: Emília Mosca, Corina Arrigotti, Felicina Mazzarello, Henriqueta Sorbone, Petronilla Mazzarello, Assunta Gaino.

Para concluir a jornada de espiritualidade salesiana, cada um dos presentes se aproximou individualmente do “poço”, uma réplica daquele de Mornese, que existe no Sítio de Morungava. Lá, a Inspetora – Irmã Alaíde – acolheu cada qual, ofereceu palavras de confiança e encorajamento e entregou uma lembrança comemorativa aos 150 anos de fundação do Instituto.

Na opinião de alguns dos Diretores e Diretoras, estes dias de encontro foram regeneradores, criaram maior unidade, suscitaram maior comprometimento e despertaram a sede de conhecer mais e melhor o carisma salesiano.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn

Posts Relacionados

Robotização das Redes Sociais

Azuis, vermelhos, robôs e bolhas: Ponderações sobre dois polos de um mesmo limbo Quem nunca se flagrou perdido em devaneios fantasiosos a respeito do futuro,

Para você navegar neste website, usaremos cookies para melhorar e personalizar sua experiência.