Menu Principal

BLOG

Fórum Salesiano pelo Pacto Educativo Global reúne mais de 1.200 educadores e estudantes

Nos dias 17 e 18 de junho, aconteceu de forma online, o Fórum Salesiano pelo Pacto Educativo Global, um evento promovido em parceria pela RSB Escolas e RSB Comunicação. O Fórum teve como objetivo envolver educadores e estudantes no compromisso do Pacto Educativo Global e renovar a paixão por uma educação alicerçada nos princípios do novo humanismo em prol das futuras gerações. Estiveram reunidos 1275 alunos e educadores, representantes de 94 escolas da Rede Salesiana Brasil, além de convidados especiais e coordenadores inspetoriais, compondo um grande movimento em favor do Pacto proposto pelo Papa Francisco.

Para que o evento pudesse acontecer, foi realizado desde o início do ano, uma série de propostas, incluindo a redação e publicação de um e-book, intitulado “Educomunicação na perspectiva do Pacto Educativo Global”, a apresentação da proposta em reunião para os diretores e coordenadores e a criação de um site, apresentando o Fórum e disponibilizando subsídios para estudo e aprofundamento nas unidades educativas.

No decorrer do primeiro semestre, as escolas foram convidadas a sistematizar e enviar projetos de relevância que estivessem acontecendo nas unidades e que estivessem na perspectiva do Pacto Educativo Global. Foram enviadas 55 experiências de diferentes dimensões e realidades, das quais, foram escolhidas 5 para serem apresentadas no primeiro dia do Fórum. As experiências apresentadas mostraram como a educação pode estar comprometida com causas sociais, ambientais, econômicas, políticas e pastorais, promovendo a transformação do espaço em que os estudantes habitam.

O Fórum contou com a participação ativa de estudantes, desde o Ensino Fundamental I até o Ensino Médio. Para permitir uma participação de estudantes de todo o Brasil, foram selecionados 3 depoimentos de cada Inspetoria, contemplando os três segmentos escolares. Assim, no primeiro dia, de forma breve, cada criança, adolescente e jovem pode expressar qual é a escola dos seus sonhos para si para todos os estudantes. (Confira aqui os vídeos)

O processo de escuta teve continuidade, através da participação ativa dos estudantes nas salas por segmento, organizadas para o segundo dia do Fórum. Foram organizadas 9 salas simultâneas, nas quais foi relembrado o fato de que o Papa Francisco propõe o Pacto Educativo Global para favorecer uma educação de qualidade para todos, mais solidária e que esteja disposta a buscar soluções para os grandes problemas da humanidade. A partir disso as crianças, adolescentes e jovens puderam responder à pergunta: O que podemos fazer para que a educação ajude a construir um mundo melhor para todos?

As respostas foram socializadas em plenário, e a partir das contribuições dos grupos cada escola poderá escolher entre as ideias levantadas os seus compromissos a práticas a serem desenvolvidos localmente.

Entre as ideias levantadas pelas crianças, adolescentes e jovens, destacam-se:

·       Uma educação que respeite e acredite no potencial e no protagonismo das crianças;

·       Uma educação que promova a valorização do ser humano, enfrentado os vários tipos de violências:  sociais, morais, físicas (Bulling, homofobia, racismo e todo tipo de preconceito);

·       A promoção de uma ecologia integral, atendendo não somente as questões ambientais mas também sociais, afetivas e familiares. Uma educação voltada para a sustentabilidade econômica e ambiental;

·       Criação de espaços de escuta e de participação das famílias e de estudantes nos projetos desenvolvidos pela escola.

·       Criação uma cultura de solidariedade; promovendo projetos que incidam sobre a realidade local;

·       O desenvolvimento de aulas criativas e inovadoras.

·       Inserção de libras no currículo o ensino;

·       Elaboração do projeto de vida desde cedo;

·       Educação para a Comunicação (Aulas de improviso, de como falar em público, de como agir diante de algumas situações);

·       Educação Financeira para as crianças, adolescentes e jovens;

·       As Comunidades Educativas devem garantir que além das matérias regulares, a saúde mental e o cuidado com o outro sejam igualmente respeitados e valorizados.

·       A Escola Salesiana deve continuar sendo um lugar amplo para discussão de ideias, oportunizando espaço para a pluralidade, com valorização das artes, do esporte, do empreendedorismo… Exemplos: feiras, intercâmbios escolares, rodas de conversa.

·       Educação para um contexto de excesso de Informação.

·       Implantação de currículos flexíveis: esportes, arte, tecnologia;

·       Formação que permita inovação de ideias e propostas. Investimento na formação literária, educação para Filosofia/Sociologia, questões humanas/afetivas; Formação das famílias para o diálogo sincero;

·       Uma educação voltada para a Transformação social, unindo teoria e prática: Educação Política – Moral/ética; Oficinas práticas, valorização das culturas e necessidades locais; Sexualidade/Afetividade: conhecer o próprio corpo; (Somos preventivos); Parcerias público-privadas para o bem-comum;

·       Fazer da Escola um palco verdadeiramente social, político, fraterno, capaz de incluir as diversidades. Necessidade de promover o autoconhecimento dos sujeitos, a fim de que reconheçam suas potencialidades e lideranças, visando também as áreas das profissões.

·       Favorecer o acesso consciente e justo às tecnologias digitais, numa abordagem educomicacional, acesso às informações, à arte, a fim de desenvolver a consciência cidadã. A Educação deve priorizar as aprendizagens práticas, comprometidas com a vida real.

Ao finalizar o Fórum, cada escola saiu com o compromisso de dar continuidade às reflexões iniciadas nestes dois dias, buscando formas de envolver educadores, alunos e famílias na construção do Pacto Educativo Global, conforme convidou o Papa Francisco.

Depoimentos:

Os depoimentos dos participantes podem ser acessados pelo link:

https://padlet.com/suporteti1/Bookmarks

Fonte: Portal RSB

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Posts Relacionados

Para você navegar neste website, usaremos cookies para melhorar e personalizar sua experiência.