Menu Principal

BLOG

Em Rede Contra a Fome: IMA entrega doações da campanha emergencial destinada aos refugiados

Venezuelanos, Haitianos, Peruanos, Cubanos. Rio do Sul, localizada em Santa Catarina, no Alto Vale do Itajaí é uma das cidades que está recebendo imigrantes refugiados de seus países em busca de novas oportunidades de trabalho e qualidade de vida melhor no Brasil. Muitos chegam aqui sem nada. Por isso, o Instituto Maria Auxiliadora (IMA) em parceria com a Pastoral do Imigrante, da Cáritas Diocesana, lançou uma campanha emergencial entre os alunos e colaboradores da escola. A ação integrou a proposta nacional da Rede Salesiana Brasil, de ajuda aos mais necessitados, chamada “Em Rede Contra a Fome”. Foram arrecadados agasalhos, cobertores, roupas de cama e alimentos, destinados a mais de 500 refugiados.

Irmã Carmela Panini e Irmã Isabel Venturi, da Cáritas Diocesana, afirmam que por virem de países de clima mais quente, os refugiados sofrem muito com o frio. “Primeiro chegaram os trabalhadores em busca de emprego. Agora estão chegando as esposas com as crianças, completamente despreparados para enfrentar o nosso inverno. Essa é a necessidade mais urgente, assim como a de alimentos. É uma realidade muito dura que eles estão passando”.

De 14 de junho a 9 de julho, as famílias dos alunos do IMA se engajaram fortemente na campanha e fizeram doações muito expressivas. Semanalmente, a Pastoral Escolar, com a ajuda do Grupo de Voluntariado da AJS e da turma do Terceirão do IMA, reunia as doações e encaminhava para a Cáritas Diocesana fazer a distribuição. “Nós somos muito agradecidas ao IMA por estar dando essa colaboração. É a multiplicação do pão e do peixe! É a sua generosa partilha com os irmãos que, no momento, estão em vulnerabilidade social. Quando as doações chegam às mãos de quem precisa é uma alegria, pois é uma necessidade extrema que está sendo atendida. Todos que recebem são muito gratos e sabem reconhecer a solidariedade do povo Riosulense”, afirma Irmã Carmela.

O excelente resultado dessa campanha reflete a capacidade que as famílias de Rio do Sul têm em se colocar no lugar do outro e compreender a importância de ajudar em momentos de dificuldade. “Somos uma cidade que já sofreu muitas vezes com enchentes. Temos aqui muitas pessoas que perderam tudo, foram ajudadas e conseguiram se recuperar. Em situações como esta, em que mostramos a necessidade dos refugiados, a empatia e a caridade se manifestam. É como Jesus que partilhou o pão com os discípulos de Emaús e só então eles o reconheceram e não se sentiram mais abandonados e com medo. O gesto da partilha é significativo e demonstra o quanto nosso povo é solidário com os mais necessitados”, destaca Irmã Carmela.

Em nome da escola, a diretora do IMA, Angelita Maria Gambeta Stuepp, agradece todas as famílias que colaboraram com a campanha emergencial e fortaleceram ainda mais o movimento “Em Rede Contra a Fome”, realizado pela Rede Salesiana em todo país. Para saber mais sobre esse movimento nacional e colaborar com doações, acesse: rsb.org.br/contraafome

Por: Cibele Biancolini da Cunha – setor de Comunicação

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Posts Relacionados

Para você navegar neste website, usaremos cookies para melhorar e personalizar sua experiência.